domingo, 31 de maio de 2009

A sombra do vento

Uma história inesquecível sobre os segredos do coração e o feitiço dos livros.

Numa manhã de 1945 um rapaz é conduzido pelo pai a um lugar misterioso, oculto no coração da cidade velha: o Cemitério dos Livros Esquecidos. Aí, Daniel Sempere encontra um livro maldito que muda o rumo da sua vida e o arrasta para um labirinto de intrigas e segredos enterrados na alma obscura de Barcelona.
Juntando as técnicas do relato de intriga e suspense, o romance histórico e a comédia de costumes, "A Sombra do Vento" é sobretudo uma trágica história de amor cujo o eco se projecta através do tempo. Com uma grande força narrativa, o autor entrelaça tramas e enigmas ao modo de bonecas russas num inesquecível relato sobre os segredos do coração e o feitiço dos livros, numa intriga que se mantém até à última página.


Sem dúvida um dos melhores livros de sempre, dá vontade de ler e reler. desta vez nem sequer tirei as frases que mais me marcaram pois estava de tal forma envolvida que me esqueci.
Voltei a acompanhar Daniel nas suas deambulações, fiquei intrigada com o malfeitor que queimava os livros, detestei o fumeiro e quando no final vejo que era o Carax, mais uma vez não quis acreditar. Mas sem dúvida que o final foi adequado, com mais uma criança a ser levada ao cemitério dos livros, para mais uma viagem. Agora vou ter de comprar o seguinte, mal posso esperar :)

1 comentário:

  1. E cá está o "grilo falante" a lembrar-te que estás inscrita num ring do outro livro no BC :P

    ResponderEliminar